Ao contrário de outros países, o Brasil comemora o Dia dos Solteiros em 15 de agosto, ainda que de modo tímido. A data surgiu na China, como uma “prévia” da Black Friday, e tem foco quase que exclusivamente no e-commerce. Ela acontece em 11 de Novembro.

Globalmente, o Dia dos Solteiros criado pelos chineses é o dia mais lucrativo de e-commerce, com vendas de US$ 25 bi em 2017. É mais do que a Black Friday e a cybermonday juntos. Embora sua penetração (ainda) não seja grande no Brasil como em outros países, sua importância tem crescido por aqui. A prova é de que os associados brasileiros da rede global da Rakuten Advertising têm aproveitado de um ótimo desempenho nessa data. Por exemplo, em 2020, essas marcas venderam 37,26% a mais do que em 2019. O setor de maior sucesso foi o de Health & Wellness, com aumento de 1080,53%.

Inegavelmente, os afiliados brasileiros da rede da Rakuten Advertising tiveram ótimos números no 11 de Novembro. Assim, há um clima de grande otimismo para a Black Friday. Afinal, é uma data muito mais importante para o e-commerce por aqui do que o Dia dos Solteiros.

Para que esse sucesso na Black Friday se torne uma realidade, apresentamos a seguir dicas para o melhor uso das possibilidades do Marketing de Afiliados. Sem dúvida, elas são de grande valor para sair na frente da concorrência em uma época tão competitiva como esta:

Dados, sempre eles

O uso de dados demográficos para a determinação de públicos e a entrega de experiências personalizadas não é mais algo novo. Mas o Marketing de Afiliados garante novas possibilidades para sua utilização.

Por exemplo, a Rakuten Advertising conta com o programa Accelerate. Ele oferece às marcas anunciantes acesso a insights de dados exclusivos, inteligência competitiva, campanha personalizada e a combinação de afiliados. Desse forma, é possível otimizar os gastos com marketing de performance, com velocidade sem precedentes o mercado.

Preste atenção ao Momento

Ao longo de um mesmo dia, a disposição de um consumidor para aceitar o conteúdo de mídia de uma marca se altera várias vezes, de acordo com seu humor e situação. Esse é o conceito de Momento, que tem grande valor para uma marca que quer ter sucesso em datas como a Black Friday e o Dia dos Solteiros.

Assim, considerar essa pessoa como apenas um conjunto de dados demográficos não é eficiente como aliar essas informações a seus Momentos individuais (e mesmo coletivos). Dessa forma, para cada situação, um determinado tipo de mensagem e canal torna-se mais apropriado. Por exemplo, a Rakuten Advertising conta globalmente com as plataformas de streaming Rakuten Viki e Rakuten TV, o mercado de comércio eletrônico Rakuten France e o aplicativo de mensagens Rakuten Viber. Cada modalidade permite atingir o público em diferentes Momentos.

Cupons e cashback

No começo deste ano, a Rakuten Advertising defendeu que uma das tendências para 2021 nas estratégias de marketing de desempenho seriam os cupons e programas de cashback. Inegavelmente, esses investimentos podem aumentar significativamente o volume de vendas do comércio eletrônico, principalmente devido ao formato de fácil conversão. Claramente, usar esse tipo de estratégia garante vantagem competitiva em um período tão desafiador quando a Black Friday.

Programas de cupons e cashback têm boas chances de gerar conversões no momento do “último clique” de um consumidor. Eles são capazes de impactar o ultimo estágio do funil de vendas, quando o shopper está muito perto de concluir a compra. O cashback, especificamente, tende a gerar lealdade por parte do consumidor, pois ao receber parte do que gastou, ele geralmente voltará para comprar mais.

Comissionamento dinâmico, mobile e social media

Segundo nosso abrangente guia Planejamento de Pico de Vendas 2021: Edição 2º Semestre – Julho a Dezembro, uma das estratégias principais para esse período considera atingir todas as etapas do funil de compras. Desse modo, o uso do recurso de Comissionamento Dinâmico faz com que a marca recompense os afiliados por seu papel na jornada de compra. Assim, cresce o número de consumidores impactados.

Do mesmo modo, o mobile precisa ser levado a sério. Para impulsionar as compras nesses dispositivos, habilite a função tracking no aplicativo, e assim rastreie e recompense os afiliados.

O relatório também defende que a marca lance mão de insights sobre canais pagos para a criação de estratégias e otimização de campanhas, use recursos de segmentação em seus canais de social media e invista no YouTube, Discovery Ads e DSA (Dynamic Search Ads).